Header Ads

A habitação do Espírito Santo - O que isso significa?

A habitação do Espírito Santo - O que isso significa?
A habitação do Espírito Santo é Deus morando permanente no coração daqueles que colocaram sua fé em Jesus Cristo como Salvador. No Antigo Testamento, o Espírito viria intermitentemente sobre os santos, capacitando-os para o serviço, mas não permanecendo necessariamente com eles. O Espírito "Senhor se apossou dele" sansão em Leí (Juízes 15:14) e "veio o espírito sobre Amasai" (1 Crônicas 12:18). O Espírito estava com Davi e podia ser removido dele (Salmo 51:11), e o Espírito "caiu sobre" Ezequiel e falou com ele (Ezequiel 11:5). O Espírito, que tinha estado uma vez com o rei Saul, "se afastou" dele, removendo Sua influência e direção sobre o rei (1 Samuel 16:14).

Somente depois do Pentecostes que o Espírito começou a habitar aqueles que pertencem a Deus através de Cristo. Jesus predisse a vinda do Espírito que viveria dentro do Seu povo, assim como o novo papel que o Espírito da Verdade desempenharia em suas vidas. Antes da ressurreição e do Pentecostes, o Espírito estava com os discípulos e os influenciou, mas Ele ainda não habitava neles, como Jesus lhes explicou: "Ele habita convosco e estará em vós" (João 14:17). João 7:39 explica mais adiante: "Ora, isto ele disse a respeito do Espírito que haviam de receber os que nele cressem; pois o Espírito ainda não fora dado, porque Jesus ainda não tinha sido glorificado".

O apóstolo Paulo reiterou a mesma verdade sobre a habitação do Espírito: "Ou não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo, que habita em vós, o qual possuís da parte de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo" (1 Coríntios 6:19-20). Porque os crentes foram comprados para Deus pelo sangue de Cristo, derramado na cruz por nossos pecados, nossos corpos se tornam um templo vivo onde o Espírito de Deus habita.

A imagem do corpo do crente sendo um templo é uma reminiscência do tabernáculo do Antigo Testamento, no qual o Espírito de Deus viveu. Lá, a presença de Deus aparecia em uma nuvem e encontrava-se com o sumo sacerdote, que entrava uma vez por ano no Santo dos Santos. No Dia da Expiação, o sumo sacerdote levava o sangue de um animal morto e o espalhava no propiciatório da Arca da Aliança. Neste dia especial, Deus concedia perdão ao sacerdote e ao Seu povo (Levítico 16).

O templo judaico em Jerusalém não existe mais. Agora o crente em Cristo tornou-se o santuário interno de Deus, o Espírito Santo, uma vez que o crente foi santificado e perdoado pelo sangue de Jesus Cristo (Efésios 1:7). De fato, a Escritura também diz que o crente é a morada de todas as três Pessoas da Trindade. Junto com o Espírito, Jesus Cristo está em nós (Colossenses 1:27), como está Deus o Pai (1 João 4:15).

O propósito da habitação do Espírito Santo é multifacetado. Primeiro e acima de tudo, o Espírito cria uma nova vida nos crentes (Tito 3:5), produzindo o mesmo novo nascimento de que Jesus falou em João 3:1-8. O Espírito nos confirma que este novo nascimento é real e que verdadeiramente pertencemos a Deus (Romanos 8:15-17). Ele também dá aos crentes dons espirituais para serem usados ​​para edificar o corpo de Cristo e glorificar a Deus (1 Coríntios 12:4-11). Além disso, como o autor da Escritura através dos escritores que Ele inspirou (2 Timóteo 3:16), o Espírito habitando em nós, nos ajuda a entender o que Ele escreveu e como aplicá-lo à vida diária (1 Coríntios 2:12).

Outras funções do Espírito que habita interiormente incluem interceder pelos crentes na oração (Romanos 8:26), guiando-nos nos caminhos da vida justa (Romanos 8:14), produzindo Seu fruto em nossas vidas (Gálatas 5:22-23), e acrescentando os crentes na igreja universal de Cristo, também chamada batismo com o Espírito Santo (1 Coríntios 12:13).

Uma das funções mais encorajadoras do Espírito é selar os crentes para a eternidade colocando Sua própria marca sobre nós. Fazer isso assegura nossa chegada à presença do Senhor quando morrermos (Efésios 1:13-14, 4:30). A presença do Espírito Santo dentro de nós é a garantia de que fomos comprados por Cristo e redimidos de nossos pecados. Nós nunca podemos perder a nossa posição como herdeiros da promessa. Até morrermos, o Espírito permanece dentro de nós, renovando-nos e santificando-nos, confortando-nos em provações e sustentando-nos em aflições. Com o Espírito Santo habitando em nós, nunca estaremos sós, nunca perdidos, e nunca sem Seu poder.

Você deseja ser um pregador? Preparar seus próprios sermões? Tenho uma grande novidade para você!

Kit Curso Pregador Completo! Como preparar sermões e pregar a Bíblia! Conheça as ferramentas e técnicas para se tornar um exímio pregador e um orador eficaz!

Se você deseja um curso prático para se tornar um grande Pregador, terá à disposição um excelente material! Clique Aqui para adquirir seu kit.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Tecnologia do Blogger.