Header Ads

4 maneiras de orar a Deus

4 maneiras de orar a Deus
"Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças” Filipenses 4:6

Orar por tudo

O apóstolo Paulo nos dá um grande lembrete quando estamos em necessidade e quando orarmos devemos "Não andeis ansiosos por coisa alguma; antes em tudo sejam os vossos pedidos conhecidos diante de Deus pela oração e súplica com ações de graças" (Filipenses 4:6). Será que Paulo realmente disse para orar sobre tudo? Sim, orar sobre tudo para tornar seus pedidos conhecidos a Deus, e embora Ele já conhece todas as nossas necessidades, nós ainda somos ordenados a orar a Ele por tudo na vida.

Ore com ações de graças

Em Filipenses 4:6 Paulo diz que devemos orar, mas orar enquanto damos graças a Deus. Isso significa que devemos estar orando por todas as coisas que entram em nossa vida, sejam boas ou ruins, porque nós podemos confiar em Deus que todas as coisas vão cooperar para o nosso bem final (Gênesis 50:20; Romanos 8:28).

Ore para que a vontade de Deus seja feita

Na assim chamada oração do Senhor, Jesus enfatiza um ponto muito importante; que devemos orar para que a vontade de Deus seja feita na terra como já está sendo feita no céu (Mateus 6:10). Não temos a sabedoria para saber sempre qual é a Sua vontade, mas podemos ter sabedoria suficiente para orar para que a Sua vontade seja feita em nossa vida acima da nossa própria vontade. Deus conhece o futuro e sabe o que é melhor para nós, ore para que a perfeita vontade de Deus seja feita em nossas vidas e que não vamos interferir nela.

Ore para a glória de Deus

Você e eu fomos comprados por Deus, comprados pelo preço mais alto que existe, que é o sangue precioso do Cordeiro de Deus, assim Paulo nos exorta a lembrar que "Porque fostes comprados por preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo" (1 Coríntios 6:20). Temos de perceber que o nosso corpo já não nos pertence. Nós pertencemos a Deus, já que "não sois de vós mesmos" (1 Coríntios 6:19c).

Conclusão

Nós não temos nenhuma razão para ficar preocupados; porque podemos nos prostrar de joelhos e orar a Deus sobre todas as coisas; podemos orar a Deus, dando graças; podemos orar a Deus pedindo que a Sua vontade seja feita e não a nossa; e podemos orar para que Deus seja glorificado na vida que vivemos. Esse é o nosso dever. Ele não se contenta com nada menos do que o nosso melhor.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Tecnologia do Blogger.