Header Ads

3 Propósitos Para A Tempestade

3 Propósitos Para A Tempestade
"Aquele que envia a tempestade conduz o barco"

As tempestades da direção

Quando Jonas entrou em um navio para escapar da missão de Deus para ele, ele deveria ter percebido que Deus é o Criador da tempestade. O texto diz: "Mas o Senhor lançou sobre o mar um grande vento, e fez-se no mar uma grande tempestade, de modo que o navio estava a ponto de se despedaçar" (Jonas 1:4), o que prova que Deus pode dirigir o barco para o local exato ele quer e usar todos os meios possíveis para fazê-lo. Quando Jonas escolheu escapar de sua missão para advertir Nínive da vinda do juízo de Deus, Deus teve que enviar a tempestade de direção para dirigir o navio para Nínive, onde eles se arrependeram e foram poupados do juízo de Deus. A tempestade de Jonas era o leme de Deus, que salvou Nínive. Veja: 4 Benefícios Das Aflições

As tempestades da perfeição

O apóstolo Pedro escreveu mais sobre o sofrimento, (18 vezes) mais do que qualquer outro autor no Novo Testamento, mas também em toda a Bíblia. Somente o Livro de Jó tem mais sobre o sofrimento do que as duas cartas do Apóstolo Pedro. Ele foi tão encorajador quando escreveu que "se padecerdes por amor da justiça, bem-aventurados sereis; e não temais as suas ameaças, nem vos turbeis" (1 Pedro 3:14). Assim, Deus nunca desperdiça sofrimento. Pedro também escreveu: "se, quando fazeis o bem e sois afligidos, o sofreis com paciência, isso é agradável a Deus" (1 Pedro 2:20) porque é muito "melhor sofrer por fazer o bem, se isso deve ser a vontade de Deus, do que por fazer o mal" (1 Pedro 3:13).

Leia também: 3 Coisas Que Os Problemas Fazem Por Nós

As tempestades da afeição

Deus pode usar uma tempestade em nossa vida como uma maneira de nos disciplinar, e todos nós sabemos que "Na verdade, nenhuma correção parece no momento ser motivo de gozo, porém de tristeza; mas depois produz um fruto pacífico de justiça nos que por ele têm sido exercitados" (Hebreus 12:11). Pense nisso desta maneira: "Deus vos trata como a filhos; pois qual é o filho a quem o pai não corrija?"(Hebreus 12:7). O oposto do amor não é ódio; é apatia ou indiferença. Se seus pais não se preocupam com você, então eles não se importam o suficiente para discipliná-lo, porque a disciplina é motivada por amor. Deus pode usar Sua disciplina para dirigi-lo de volta a Ele.

Conclusão

Deus pode usar qualquer coisa ou qualquer pessoa para nos orientar na direção que Ele quer que a gente vá. Ele pode usar uma tempestade para nos aperfeiçoar, para nos tornar capaz de suportar o sofrimento por causa da justiça, e ele pode usar a tempestades da disciplina, mostrando que Ele nos ama porque Ele se importa o suficiente para nos disciplinar. Aquele que envia a tempestade conduz o barco, e é sempre para o nosso melhor.

Nenhum comentário

Os comentários deste blog são todos moderados, ou seja, eles são lidos por nós antes de serem publicados.

Não serão aprovados comentários:
1. Não relacionados ao tema do artigo;
2. Com pedidos de parceria;
3. Com propagandas (spam);
4. Com link para divulgar seu blog;
5. Com palavrões ou ofensas a quem quer que seja.

ATENÇÃO: Comentários com links serão excluídos!

Tecnologia do Blogger.